Emagrecer, Author at Emagrecer com Saude - Página 3 de 4
Author

Emagrecer

Browsing

A dieta Low Carb é aquela em que deve-se reduzir o consumo de carboidrato na alimentação, eliminando especialmente fontes de carboidratos simples, como açúcar e farinha branca. Com a redução do carboidrato, é importante ajustar o consumo de proteínas e aumentar a ingestão de gorduras boas, como castanhas, pasta de amendoim, abacate e azeite.

No entanto, como a maior parte das pessoas está acostumada a fazer lanches ricos em carboidrato, como pão, tapioca, biscoitos, bolos, cuscuz e salgados, muitas vezes fica difícil pensar em lanches práticos e saborosos para incluir nesta dieta. Por isso, veja a seguir 5 exemplos de lanches Low Carb.

1. Castanhas com iogurte natural

5 Lanches Low Carb para emagrecer

Um lanche low carb super rápido e prático é a mistura de castanhas com iogurte natural. As castanhas e oleaginosas em geral, como avelã, amêndoas, nozes e amendoim, são ricas em gorduras boas, zinco e proteínas, além de terem um teor muito baixo de carboidratos.

Já o iogurte natural integral é rico em proteínas e gorduras, tendo baixa quantidade de carboidrato. No entanto, por ter um sabor amargo, muitas vezes a indústria adiciona açúcar para melhorar o paladar, mas o ideal é comprar o iogurte natural não adoçado, e adicionar apenas poucas gotas de adoçante na hora de comer.

2. Torta de Maçã Low Carb

5 Lanches Low Carb para emagrecer

A torta de maçã traz um sabor doce delicioso para os lanches, além de poder ser levada na marmita para a aula ou para o trabalho.

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1/2 maçã
  • 1 colher de sopa de farinha de amêndoa
  • 2 colheres de sopa creme de leite ou iogurte natural
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • Adoçante Stévia culinário a gosto
  • Canela a gosto
  • Manteiga ou óleo de coco para untar a frigideira

Modo de preparo:

Cortar a maçã em fatias finas e reservar. Bater o ovo, a farinha, o creme de leite ou iogurte e o fermento com o mixer ou com um garfo. Untar a frigideira com manteiga ou óleo de coco e pré-aquecer. Colocar em seguida o adoçante e canela, espalhar as fatias de maçã e, por cima de tudo, adicionar a massa. Tampar a frigideira e deixar cozinhar em fogo baixo por cerca de 7 minutos ou até a massa assar por completo. Colocar em um prato e polvilhar mais canela a gosto.

3. Bolinho de Abóbora

5 Lanches Low Carb para emagrecer

Este bolinho é rico em vitamina A da abóbora e gorduras boas do coco e das castanhas. Se preferir, não adicione adoçante nem castanhas na receita e use a massa como se fosse um pão, podendo recheá-lo com queijo, ovo ou frango desfiado, por exemplo.

Ingredientes:

  • 2 ovos
  • 1/4 xícara de chá de farinha de coco
  • 1/2 xícara de chá de abóbora cozida amassada
  • 1 colheres de sopa de adoçante culinário
  • 1 colher de chá rasa de fermento em pó
  • 1 colher de sopa de óleo de coco
  • 2 colheres de sopa de castanhas levemente trituradas (opcional)

Modo de preparo:

Bater todos os ingredientes com na batedeira ou liquidificador, menos as castanhas trituradas. Em seguida, despejar a massa em forminhas untadas ou de silicone, adicionar as castanhas levemente trituradas na massa e levar para assar em forno médio por cerca de 25 minutos até que o teste do palito indique que a massa está cozida. Rende cerca de 6 porções.

4. Crepioca de linhaça

5 Lanches Low Carb para emagrecer

Esta é a versão low carb da tradicional crepioca, mas a goma de tapioca é substituída por farinha de linhaça.

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1,5 colher de farinha de linhaça
  • pitada de sal e orégano
  • 2 colheres de sopa de queijo em cubos
  • 2 colheres de sopa de tomate picado para rechear

Modo de preparo:

Misturar o ovo, a farinha de linhaça, o sal e o orégano em uma tigela funda e bater bem com o garfo. Adicionar o queijo e o tomate, ou o recheio de sua preferência, e misturar novamente. Untar uma frigideira com manteiga, azeite ou óleo de coco e despejar a massa, virando para dourar dos dois lados.

5. Pão de Abóbora no micro-ondas

5 Lanches Low Carb para emagrecer

Este pãozinho prático pode ser feito tanto na versão doce quanto na salgada, como mostrado a seguir:

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 50 g de abóbora cozida e amassada
  • 1 colher de sopa de farinha de linhaça
  • 1 pitada de fermento em pó
  • 1 pitada de sal ou 1 colher de café de adoçante culinário

Modo de preparo:

Misturar todos os ingredientes, untar uma xícara com azeite ou óleo de coco e levar ao microondas por cerca de 2 minutos. Se preferir, em seguida pode partir o pãozinho e colocá-lo na torradeira para ficar crocante.

O bolo de chocolate fit é feito com farinha integrais, cacau e chocolate 70%, além de levar gorduras boas na sua massa, como óleo de coco ou azeite, para aproveitar todo o efeito antioxidante do cacau.

Outras versões dessa delícia também podem ser feitas na forma Low Carb, sem glúten e sem lactose. Confira a seguir cada uma.

1. Bolo de Chocolate Fit

4 Receitas de Bolo de Chocolate Fit (para comer sem culpa)

O bolo de chocolate fit pode ser usado em dietas de emagrecimento, sendo importante consumir apenas de 1 a 2 fatias por dia.

Ingredientes:

  • 4 ovos
  • 1 xícara de açúcar demerara, mascavo ou adoçante xylitol
  • 1/4 xícara de óleo de coco
  • 1/2 xícara de cacau em pó
  • 1 xícara de farinha de amêndoas, arroz ou de trigo integral
  • 1 xícara de aveia
  • 1 xícara de água quente
  • 2 colheres de sopa de linhaça (opcional)
  • 1 colher de sopa de fermento

Modo de Preparo:

Bater os ovos e açúcar. Adicionar o óleo de coco, o cacau e a farinha de amêndoas. Em seguida, adicionar a aveia e a água quente aos poucos, alternando as duas enquanto continua mexendo a massa. Adicionar a linhaça e o fermento e misturar com uma colher. Colocar a massa em uma forma untada e levar ao forno médio por cerca de 35 minutos.

2. Bolo de Chocolate Low Carb

O bolo low carb é pobre em carboidratos e rico em gorduras boas e antioxidantes, sendo um ótimo aliado das dietas low carb que ajudam a emagrecer de forma saudável.

Ingredientes:

  • 3/4 de xícara de farinha de amêndoas
  • 4 colheres de sopa de cacau em pó
  • 2 colheres de sopa de coco ralado
  • 2 colheres de sopa de farinha de coco
  • 5 colheres de sopa de creme de leite
  • 3 ovos
  • 1 xícara de açúcar demerara, mascavo ou adoçante xylitol
  • 1 colher de sopa de fermento químico em pó
  • 1 colher de chá de essência de baunilha

Modo de Preparo:

Em um recipiente fundo, misturar a farinha de amêndoas, o cacau, o coco, o açúcar e a farinha de coco. Acrescentar os 3 ovos e misturar bem. Em seguida, adicionar o creme de leite e, por último, o fermento e a essência de baunilha. Colocar a massa em uma forma untada e levar para assar em forno médio por cerca de 25 minutos.

3. Bolo de Chocolate Fit sem Lactose

4 Receitas de Bolo de Chocolate Fit (para comer sem culpa)

O bolo de chocolate sem lactose utiliza leites vegetais ao invés do leite de vaca, como o leite de amêndoas, castanhas ou de arroz.

Ingredientes:

  • 4 ovos
  • 1 xícara de açúcar demerara, mascavo ou adoçante xylitol
  • 4 colheres de sopa óleo de coco
  • 4 colheres de sopa de cacau em pó
  • 1 xícara de leite de coco, de arroz, de amêndoas ou de castanhas (se necessário, acrescentar um pouco mais)
  • 1 xícara de farinha de arroz integral
  • 1/2 xícara de farelo de aveia
  • 2 barras de chocolate 70% sem lactose em pedaços
  • 1 colher de sopa de fermento em pó

Modo de Preparo:

Bater as claras em neve e reservar. Bater as gemas com o açúcar, o óleo de coco, o cacau e o leite vegetal. Acrescentar as farinhas e bater até homogeneizar. Em seguida, acrescentar os pedaços de chocolate picados, o fermento e as claras em neve, mexendo com cuidado com a ajuda de uma colher ou espátula. Colocar a massa em uma forma untada e enfarinhada e levar ao forno médio pré aquecido cerca de 40 minutos.

4. Bolo de Chocolate Fit sem Glúten

O glúten está presente no trigo, no centeio e na cevada, podendo estar também em pequenas quantidades em algumas aveias, devido ao processo de produção. Algumas pessoas têm doença celíaca ou são intolerantes ao glúten, podendo ter sintomas como dor abdominal, enxaquecas e alergias na pele ao consumi-lo.

Ingredientes:

  • 3 colheres de sopa de óleo de coco
  • 1 xícara de chá de açúcar demerara, mascavo ou adoçante xylitol
  • 3 ovos
  • 1 xícara de farinha de amêndoas
  • 1 xícara de farinha de arroz, de preferência integral
  • 1/2 xícara de cacau em pó
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 xícara de chá de leite

Modo de fazer:

Bater as claras em neve e reservar. Em outro recipiente, bater o óleo de coco e o açúcar até obter um creme. Adicionar as gemas e bater bem. Adicionar as farinhas, o cacau e o leite e, por fim, o fermento. Acrescentar as claras em neve e misturar cuidadosamente com uma colher para encorpar na massa. Colocar em um assadeira untada e polvilhada com farinha de arroz e levar ao forno médio por cerca de 35 minutos.

Calda de Chocolate Fit

4 Receitas de Bolo de Chocolate Fit (para comer sem culpa)

Para a cobertura do bolo, pode-se fazer uma calda fit com os seguintes ingredientes:

  • 1 col. de sopa de óleo de coco
  • 6 col. de sopa de leite
  • 3 col. de sopa de cacau em pó
  • 3 col. de sopa de açúcar de coco

Misturar tudo em fogo médio, mexendo bem até engrossar. Para a calda ficar low carb, pode-se utilizar adoçante xylitol ou misturar o óleo de coco e o leite com 1 colher de sopa de cacau, 1/2 barra de chocolate 70% e 2 colheres de sopa de creme de leite.

O suco de couve é um excelente remédio caseiro para emagrecer porque melhora o funcionamento intestinal, uma vez que a couve é um laxante natural e possui também propriedades que desintoxicam o organismo, favorecendo assim o emagrecimento.

Para preparar o suco lave uma folha de couve manteiga, retirando todos os resíduos que possam haver, siga uma das receitas que indicamos a seguir.

1. Suco de couve com limão

6 sucos de couve detox para emagrecer

O limão é uma excelente opção para adicionar ao suco de couve e potenciar sua ação emagrecedora. Isso acontece porque o limão tem ação desintoxicante que ajuda a eliminar o excesso de gorduras, além de diminuir a sensação de fome, evitando o consumo excessivo de alimentos.

Para fazer o suco basta bater no liquidificador 1 folha de couve manteiga com suco puro de 2 limões que o torna mais diurético e alcaliniza o sangue. Beber a seguir, de preferência sem coar e sem adoçar.

2. Suco de couve com laranja e gengibre

6 sucos de couve detox para emagrecer

Adicionar laranja ao suco de couve além de reduzir o sabor amargo da couve, é uma ótima forma de acelerar o emagrecimento pois a laranja promove a sensação de saciedade e dificulta a absorção de carboidratos, de colesterol e lípidos. Já o gengibre melhora o funcionamento do intestino e aumenta o metabolismo, facilitando a queima de gorduras e a eliminação de calorias.

O suco de couve, laranja e gengibre deve ser feito batendo no liquidificador 1 folha de couve manteiga com suco de 3 laranjas e 2 cm de gengibre. Beber a seguir, de preferência sem coar e sem adoçar.

3. Suco de couve com abacaxi e hortelã

6 sucos de couve detox para emagrecer

Ao juntar o abacaxi e a hortelã ao suco de couve é possível aumentar o seu poder diurético, eliminando o excesso de líquidos que provocam aumento do peso. Além disso, como o abacaxi é rico em fibras, é capaz de reduzir o apetite, ajudando a controlar a vontade de comer durante o dia.

Para fazer o suco deve-se bater no liquidificador 1 folha de couve manteiga com 2 fatias grossas de abacaxi e algumas folhinhas de hortelã. Beber a seguir, de preferência sem coar e sem adoçar. Podem ainda ser adicionadas algumas gotas de limão para melhorar o sabor, caso seja necessário.

4. Suco de couve com maçã e limão

6 sucos de couve detox para emagrecer

Acrescentar maçã ao suco de couve ajuda a enriquecer o suco com pectina, uma substância que melhora o funcionamento do intestino e aumenta a saciedade, reduzindo a quantidade de alimentos ingeridos. Além disso, o suco de limão melhora o sabor da couve e tem ação desintoxicante que elimina gorduras.

Esse suco é feito batendo no liquidificador 1 folha de couve manteiga com 1 maçã verde e suco puro de meio limão. Beber a seguir, de preferência sem coar e sem adoçar.

5. Suco de couve com morango e abacaxi

6 sucos de couve detox para emagrecer

O morango e o abacaxi são frutas ricas em fibra que ajudam a diminuir o apetite e permitir a perda de peso. Além disso, este é um suco diurético que elimina o excesso de líquidos no organismo, conferindo uma silhueta mais definida.

Para fazer o suco de couve com morango e abacaxi basta bater no liquidificador 1 folha de couve manteiga com 2 morangos e 1 fatia de abacaxi e algumas folhinhas de hortelã. Beber a seguir, de preferência sem coar e sem adoçar.

6. Suco de couve com cenoura e laranja

6 sucos de couve detox para emagrecer

A cenoura é outra boa opção para enriquecer o suco de couve pois apresenta efeito tônico e depurativo sobre o fígado que ajuda a eliminar o excesso de bile e gordura. Além disso, quando associada à laranja ajuda a diminuir a absorção de carboidratos e gorduras.

Esse suco é feito colocando no liquidificador 1 folha de couve com 1 cenoura pequena e o suco de 1 ou 2 laranjas. Bater até obter uma mistura homogênea e beber logo a seguir, sem adoçar.

Os sucos de frutas cítricas e vegetais folhosos de cor verde escura são excelentes para curar a anemia ferropriva porque são ricos em ferro e vitamina C, que ajuda a absorver melhor o ferro.

Estes sucos podem ser ingeridos diariamente mas não devem ser a única forma de tratamento, sendo importante também o consumo diário de alimentos ricos em ferro como bife de fígado, carne de vaca e gema de ovo.

Receitas de sucos para curar anemia

Estas receitas devem ser ingeridas logo após o seu preparado para evitar a oxidação da vitamina C.

Ingredientes do suco Modo de preparo
Abacaxi + salsinha Bater no liquidificador: 3 rodelas de abacaxi + 1/2 xíc. de salsinha + 1/2 copo de água
Laranja + espinafre Bater no liquidificador: 1 xíc. suco de laranja + 1/2 xíc. folhas de espinafre
Laranja + agrião + morango Bater no liquidificador: 1 xíc. agrião + 1 copo de suco de laranja + 6 morangos
Limão + couve + brócolis Bater no liquidificador: suco de 2 limões + 2 folhas de ouve + 1 ramo de brócolis
Abacaxi + cenoura + espinafre Bater no liquidificador: 7 folhas de espinafre + 3 cenouras + 1/2 abacate + 1 copo de água
Laranja + damasco + capim limão Bater no liquidificador: 6 damascos + 1 laranja + 1 talo de capim limão
Maracujá + salsinha Bater no liquidificador: 1 maracujá grande + 1 copo de água + 2 colheres de salsinha
Laranja + cenoura + beterraba Bater no liquidificador: 6 laranjas + 1 beterraba + 1 cenoura
Acerola + couve Bater no liquidificador: 10 acerolas + 1 folha de couve + 1/2 copo de água

Ao consumir 1 destes sucos por dia os sintomas da anemia como tontura, fraqueza e palidez, tendem a desaparecer. No entanto, o tratamento para anemia também pode ser feito com medicamentos, como o sulfato ferroso, no caso da anemia ferropriva.

Se os sintomas da anemia permanecerem mesmo após a alimentação rica em ferro deve-se ir ao médico para investigar o tipo de anemia que possui para iniciar o tratamento adequado, que pode incluir o uso de outros medicamentos como a penicilina ou imunossupressores e, quando a anemia é muito grave, pode ser necessária a transfusão sanguínea.

O consumo de alimentos ricos em ferro, como as carnes vermelhas ou o pão de cevada, por exemplo, podem ajudar a curar a anemia quando ela é causada pela deficiência de ferro no sangue.

Porém, os alimentos ricos em ferro são importantes em todas as fases da vida e devem ser consumidos com frequência, especialmente, em gestantes, bebês e idosos, pois estes grupos possuem uma necessidade maior de ferro no organismo.

Alimentos ricos em ferro de fonte animal

Alimentos ricos em ferro de fonte animal
Alimentos ricos em ferro de fonte vegetal

Alimentos ricos em ferro de fonte vegetal

Tabela de alimentos ricos em ferro

Segue uma tabela com os alimentos ricos em ferro separados por fonte animal e vegetal:

Alimento ricos em ferro de fonte animal Ferro por 100 g Energia em 100 g
Carré 3 mg 260 calorias
Vitela 3,6 mg 230 calorias
Cordeiro 2,2 mg 163 calorias
Fígado de vitela 10,6 mg 127 calorias
Mexilhão cozido 6 mg 78 calorias
Gema do ovo de galinha 5,87 mg 363 calorias
Alimentos ricos em ferro de fonte vegetal Ferro por 100 g Energia em 100 g
Pão de cevada 6,5 mg 302 calorias
Pão de soja 2,3 mg 283 calorias
Salsa 3,1 mg 43 calorias
Grão-de-bico cozido 1,4 mg 121 calorias
Ervilha cozida 1,9 mg 63 calorias
Lentilha cozida 2,44 mg 108 calorias
Agrião 2,6 mg 23 calorias
Beterraba crua 2,5 mg 49 calorias
Feijão branco miúdo 11,9 mg 360 calorias
Feijão-preto costa rica 8,6 mg 343 calorias

Os alimentos de fonte animal apresentam uma absorção de ferro entre 20 a 30% do total do mineral ingerido, enquanto que os alimentos de origem vegetal ricos em ferro permitem uma absorção em torno de 5% do total de ferro que possuem em sua composição.

Alimentos ricos em ferro para anemia

Os alimentos ricos em ferro para anemia incluem:

  • Alimentos ricos em ferro de origem animal, como as carnes vermelhas e o ovo pois o ferro destes alimentos é absorvido com facilidade;
  • Alimentos ricos em ferro de origem vegetal como o feijão, as ervilhas ou a salsa. Estes alimentos devem ser consumidos sempre com uma fonte de vitamina C como laranja, morango ou pimentão, para melhorar a absorção de ferro. Por exemplo, comer arroz com feijão preto e laranja de sobremesa;

Além dos alimentos ricos em ferro para anemia, é também importante seguir outras dicas de alimentação como:

  • Evitar comer alimentos ricos em cálcio com as principais refeições, como iogurtes, pudim, leite ou queijo porque o cálcio é um inibidor natural da absorção do ferro;
  • Evitar comer alimentos integrais ao almoço e jantar, pois os fitatos presentes nos cereais e fibras dos alimentos integrais, diminuem a eficiência da absorção do ferro presente nos alimentos;
  • Evitar comer doces, vinho tinto, chocolate e algumas ervas para fazer chá, porque possuem polifenóis e fitatos, que são inibidores da absorção do ferro;
  • Cozinhar em uma panela de ferro é uma forma de aumentar a quantidade de ferro de alimentos pobres, como o arroz, por exemplo.

​​Misturar frutas e legumes nos sucos também pode ser uma excelente forma de enriquecer a dieta em ferro. Duas ótimas receitas ricas em ferro são o suco de abacaxi batido no liquidificador com salsinha fresca e o bife de fígado acebolado.

Necessidade diária de ferro

A necessidade diária de ferro, como se pode verificar na tabela, varia consoante a idade e gênero, pois as mulheres têm uma maior necessidade de ferro que os homens, especialmente durante a gravidez.

Faixa etária Necessidade diária de Ferro
Bebês: 7-12 meses 11 mg
Crianças: 1-3 anos 7 mg
Crianças: 4-8 anos 10 mg
Meninos e Meninas: 9-13 anos 8 mg
Meninos: 14-18 anos 11 mg
Meninas: 14-18 anos 15 mg
Homens: >19 anos 8 mg
Mulheres: 19-50 anos 18 mg
Mulheres: > 50 anos 8 mg
Grávidas 27 mg
Nutrizes: < 18 anos 10 mg
Nutrizes: > 19 anos 9 mg

As necessidades diárias de ferro aumentam na gravidez porque aumenta a quantidade de sangue no organismo e, por isso, é necessário ferro para produzir mais células do sangue, assim como o ferro é necessário para o desenvolvimento do bebê e da placenta. Atingir as necessidades de ferro na gestação é muito importante, mas pode ser necessário suplementação de ferro na gravidez, que deve ser sempre aconselhada pelo médico.

Os chás para emagrecer são um ótimo recurso para completar a dieta, para quem pretende não só emagrecer, como também desinchar e perder barriga, além de serem uma ótima opção caseira e natural.

O chá de gengibre, o chá mate com limão e o chá verde, são alguns dos chás indicados pois ajudam na retenção de líquidos, a saciar o apetite e a aumentar o metabolismo, ajudando na queima de gorduras.

Além disso, uma pitada de Pimenta Caiena, é uma ótima opção que pode ser adicionada a qualquer um dos chás para emagrecer, pois é fácil de utilizar e ajuda a aumentar ainda mais o metabolismo, favorecendo a queima da gordura.

1. Chá de gengibre com abacaxi

5 Chás emagrecedores para perder barriga

O chá de gengibre com abacaxi é ótimo para emagrecer, pois aumenta o metabolismo, ajudando o organismo a gastar mais energia e calorias mesmo quando parado, além de saciar o apetite e ajudar no funcionamento do intestino.

Ingredientes

  • Casca de ½ abacaxi;
  • Casca de 1 laranja;
  • 1 colher (de sopa) de carqueja;
  • 1 colher (de sopa) de gengibre;
  • 1 litro de água

Modo de preparo

A um litro de água adicione a casca de abacaxi e de laranja e a colher de sopa de gengibre e depois leve ao fogo para ferver durante 3 minutos. Após ferver, desligue o fogo e adicione a carqueja. Por fim, tampe, deixe repousar por 5 minutos e coe antes de beber.

Este chá deve ser bebido ao longo do dia, entre as refeições, e para alcançar melhores resultados, é recomendada fazer uma dieta saudável e exercício físico regularmente.

Contraindicações: o gengibre com abacaxi por ter gengibre em sua composição, não deve ser usado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando, sem indicação do médico.

2. Chá verde com amora

O chá verde com amora ajuda a diminuir o apetite, a desinchar o corpo e a diminuir o volume, pois tem propriedades diuréticas, e aumenta o metabolismo do organismo, ajudando o corpo a gastar mais energia e calorias.

Ingredientes

  • 1 colher (de chá) de folhas secas de amora;
  • 1 colher (de chá) de folhas secas de chá verde.

Modo de preparo

Numa xícara de chá coloque as folhas secas da amora e do chá verde e adicionar 150 ml de água fervente. Tapar, deixar repousar durante 10 minutos e coar antes de beber.

Este chá deve ser bebido antes das refeições principais, como almoço e jantar, durante 2 a 3 semanas.

3. Chá de hibisco com canela

5 Chás emagrecedores para perder barriga

O chá de hibisco com canela é bom para ajudar a emagrecer, pois ajuda na retenção de líquidos, a desinchar o corpo, e aumenta o metabolismo, favorecendo a queima da gordura. Além disso, este chá ajuda também na digestão, por ter canela em sua composição.

Ingredientes

  • 1 colher (de sopa) de hibisco seco;
  • 1 colher (de sopa) de folhas de cavalinha secas;
  • 1 pau de canela.

Modo de preparo

A um litro de água fervente adicione as folhas secas de Hibisco e Cavalinha com o pau de Canela e deixe repousar durante 10 minutos. Coe antes de beber.

Este chá deve ser bebido 3 a 4 vezes por dia, meia hora antes das principais refeições.

4. Chá mate com limão

5 Chás emagrecedores para perder barriga

O Chá mate com limão aumenta a sensação de saciedade e facilita a queima de gordura, pois aumenta o metabolismo. Além disso, diminui o inchaço e o volume do corpo, pois possui ação diurética que ajuda na retenção de líquidos.

Ingredientes 

  • 1 ou 2 colheres (de chá) de folhas de chá- mate;
  • ½ limão espremido.

Modo de preparo

Numa xícara de chá coloque as folhas secas do chá mate e o meio limão e, depois, adicione 150 ml de água fervente. Tampe e deixe repousar entre 5 a 10 minutos.

Contraindicações: o Chá mate, por ter cafeína em sua composição, não deve ser usado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando. Além disso não deve ser usado por pacientes com doença cardíaca, úlceras pépticas ou com refluxo gástrico.

5. Chá de feno-grego e alcachofra

5 Chás emagrecedores para perder barriga

Este chá ajuda a saciar o apetite e a soltar o intestino, ajuda a aumentar o metabolismo, favorecendo a queima da gordura, e auxilia na retenção de líquidos, pois ajuda o corpo a desinchar e a perder volume.

Ingredientes

  • ½ colher (de chá) de sementes de feno-grego
  • 1 colher (de chá) de folhas secas de alcachofra

Modo de preparo

Numa xícara de chá coloque as sementes em pó, a pitada de pimenta e as folhas secas de Alcachofra e, depois, adicione 150 ml de água fervente. Deixe repousar 10 minutos minutos e coe.

Este chá deve ser bebido 3 vezes por dia, entre as refeições.

Contraindicações: o Chá de feno-grego e alcachofra não deve ser usado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando, nem por crianças que ainda não tenham atingido a puberdade.

O suco de limão é uma grande ajuda para emagrecer porque desintoxica o organismo, desincha e aumenta a sensação de saciedade. Além disso limpa também o paladar, tirando a vontade de comer alimentos doces que engordam ou prejudicam a dieta. Para ter esses benefícios, basta utilizar uma das seguintes opções:

  1. Espremer meio limão em um copo de água e beber meia hora antes do café da manhã, do almoço e do jantar;
  2. Colocar 1 limão em rodelas na garrafa de água e ir bebendo durante o dia.

Todas as variedades do limão podem ser utilizadas, e essa fruta também tem propriedades que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, proteger o corpo doenças como gripes e resfriados e evitar o envelhecimento precoce e alcalinizar o sangue, o que o torna um excelente antioxidante.

Como fazer a dieta da água com limão para emagrecer

Com a dieta do limão, pode-se emagrecer de 2 a 8 kg por mês, principalmente quando associada a uma dieta para emagrecer e à prática regular de exercícios físicos.

Como fazer a dieta do limão em jejum

A maneira correta de usar o limão para emagrecer é espremer meio limão em um copo de água e beber logo em seguida, sem adicionar açúcar. Deve-se fazer isso logo após acordar em jejum, cerca de 30 minutos antes de tomar o café da manhã, utilizando água morna. Essa mistura irá ajudar a limpar o intestino, eliminando o excesso de gordura e de muco que se acumula nesse órgão.

O limão também pode ser tomado antes das refeições principais, mas com água gelada. A água gelada faz com que o organismo tenha que gastar mais energia para aquecê-la, queimando algumas calorias a mais, o que também ajuda a emagrecer. Outra opção é adicionar raspas de gengibre ao suco, pois essa raiz também tem propriedades que ajudam na perda de peso.

Benefícios do suco de limão em jejum

Além de ajudar a emagrecer, os benefícios do limão em jejum são:

  • Fortalecer o sistema imune e proteger o organismo contra gripes e resfriados;
  • Ajudar a eliminar as toxinas do corpo;
  • Evitar doenças como câncer e envelhecimento precoce;
  • Reduzir a acidez corporal, melhorando o metabolismo do corpo.

Todas as variedades de limão trazem esses benefícios, e também podem ser usadas para temperar saladas, carnes e peixes, o que ajuda aumentar o consumo dessa fruta.

Uma ótima receita natural para desintoxicar o corpo é tomar este suco de limão com verduras frescas porque ele ajuda na eliminação das toxinas acumuladas no fígado e em todo o organismo devido o consumo de alimentos industrializados.

A desintoxicação do organismo consiste no processo de eliminação dos desperdícios e das toxinas acumuladas. Essas toxinas são substâncias nocivas originadas como consequência da ingestão de componentes químicos utilizados pela indústria alimentar, como os aditivos, conservantes, corantes, adoçantes ou mesmo a poluição.

Além de promover a desintoxicação do organismo, este suco também possui propriedades fortificantes, reforçando o sistema imune.

Receita natural para desintoxicar o corpo

Ingredientes

  • 3 astes de aipo
  • 5 folhas de espinafre
  • 1 limão
  • 1 maçã

Preparo

Bata tudo no liquidificador e coe, se preferir. Utilizar a centrífuga torna a confecção mais prática.Tome este suco desintoxicante, diariamente, por 7 dias, para conseguir desintoxicar o fígado, o sangue, o intestino e também para conseguir emagrecer mais facilmente.

Para potencializar a desintoxicação do organismo deve-se ainda evitar a ingestão de:

  • cafeína;
  • açúcar e
  • bebidas alcoólicas.

Estes são elementos tóxicos para o corpo, e a sua restrição ou eliminação da dieta alimentar é uma forma inteligente de preservar a sua saúde mental e física, assim como a vitalidade, imunidade, fertilidade, concentração e inclusive a qualidade do sono.

Além do suco com aipo e espinafre, as sopas também podem ser usadas para desintoxicar o organismo e ajudar na perda de peso.

Uma boa estratégia para perder barriga rápido é correr durante 25 minutos todos os dias e fazer uma alimentação com poucas calorias, gorduras e açúcares para que o corpo gaste a gordura acumulada.

Mas além da corrida é importante fazer exercícios abdominais porque eles ajudam a fortalecer o abdômen, melhorando a aparência abdominal.

Apesar de 1 semana ser um período muito curto para eliminar toda a gordura acumulada, é possível perder peso e desinchar a barriga.

Exercícios para perder barriga em 1 semana

Um excelente exercício para perder barriga rapidamente é a corrida porque ela gasta uma maior quantidade de calorias num curto período de tempo, em apenas 25 minutos de corrida são gastas 300 calorias , caso esteja começando a pratica da atividade física comece devagar e aos poucos vá aumentando gradativamente o tempo e a intensidade dos seus treinos. Outros exercícios para completar o treino diário para perder barriga em 1 semana são:

Abdominal 1

Abdominal 1

Abdominal 2

Abdominal 2

Os dois primeiros exercícios devem ser realizados continuamente durante 30 segundos seguido com intervalo de 30 segundos entre eles.

Melhores exercícios para perder barriga

Os melhores exercícios para queimar gordura localizada são aqueles que gastam muita calorias, como os seguintes aeróbicos:

Tipo de exercício Calorias
Corrida 700
Aula de aeróbica 260
Andar de bicicleta 279
Pular corda 400
Caminhada rápida 315
Natação 368

Esta tabela indica quantas calorias são gastas em 1 hora de cada exercício.

Dieta para perder barriga em 1 semana

A alimentação para perder barriga em uma semana consiste em fornecer o máximo de nutrientes com o mínimo de calorias, gorduras e açúcares. Nesta dieta é recomendado:

  • Fazer 6 refeições por dia, comendo sempre de 3 em 3 horas;
  • Beber, no mínimo, 2 litros de água ou de chá verde por dia;
  • Comer uma salada diferente todos os dias e uma quantidade de carne, peixe ou frango que caiba na palma da sua mão;
  • Comer 2 frutas por dia, todos os dias, de preferência com menos açúcar;
  • Tomar 2 iogurtes com lactobacilos vivos por dia, como o Yakult, porque ele irá facilitar o trânsito intestinal, diminuindo a barriga;
  • Comer menos sal, optando por ervas aromáticas e temperando saladas com limão, por exemplo;
  • Tomar 1 xícara de chá de boldo meia hora antes do almoço e do jantar porque ele combate os gases e por isso desincha a barriga.

 

Quem precisa emagrecer rápido, pode seguir esta dieta durante 3 dias para perder até 5kg. No entanto, se você está perto do seu peso ideal, é possível que não perca os 5kg, mas esta dieta pode ajudar a desinchar rapidamente, secando o corpo rapidamente.

Esta é uma dieta radical que só deve ser utilizada em casos de extrema necessidade e durante somente estes 3 dias para não prejudicar a saúde. Além disso, é importante comer sempre de 3 em 3 horas, beber 2 litros de água por dia, no intervalo entre as refeições, e não comer nada além do que está orientado neste plano alimentar.

Cardápio do 1º dia

Café da manhã café, chá ou água (sem adição de açúcar) + 1 laranja + 1 torrada com geleia de morango light
Colação 1 taça de gelatina diet
Almoço 1 lata de atum em água + 3 torradas
Lanche 1 taça de gelatina diet
Jantar 1 maçã com casca 160 g (30 min. antes) + 1 xícara de cenoura crua (ralada) + 100 gramas de carne magra + 1 xícara de vagem cozida

Cardápio do 2º dia

Café da manhã café, chá ou água + 1 ovo quente ou cozido + 1 torrada + 1 banana
Colação 1 taça de gelatina diet
Almoço chá ou água + 1 xícara de ricota ou atum em lata + 5 bolachas água e sal
Lanche 1 taça de gelatina diet
Jantar 2 salsichas + 1/2 xícara de cenoura crua ralada + 1 banana + 1 xícara de brócolis ou repolho cozidos em água e sal

Cardápio do 3º dia

Café da manhã café, chá ou água, 5 bolachas água e sal, 30 gramas de queijo tipo cheddar e 1 maçã
Colação 1 taça de gelatina diet
Almoço 1 ovo cozido + 2 torradas com 2 fatias de queijo + 1/2 tomate
Lanche 1 taça de gelatina diet
Jantar 1 lata de atum em água + 1 xícara de cenoura crua ralada + 1 xícara de couve-flor e 1 xícara de melão picado

Essa dieta não é aconselhada para diabéticos ou gestantes. Em caso de qualquer outro problema de saúde, deve se pedir autorização para o médico que acompanha e trata a patologia.

Além de matemática, qualquer dieta também envolve o fator nutricional e de saúde. Uma restrição alimentar muito intensa, como esta, deve ser limitada a um curto período de tempo, para garantir que não vai prejudicar a saúde e, ao mesmo tempo, emagrecer.